Três carreiras autônomas para faturar alto durante a Black Friday

Três carreiras autônomas para faturar alto durante a Black Friday

- in Lateral
0
Comentários desativados em Três carreiras autônomas para faturar alto durante a Black Friday

Freelancers podem aproveitar alta demanda que a Black Friday traz para as empresas e pegar carona para oferecerem seus serviços

São Paulo, outubro 2018 – A Black Friday, momento muito aguardado para quem está procurando descontos, não se restringe somente aos empresários de lojas físicas e donos de e-commerce que buscam liquidar seus produtos nessa época do ano. O profissional freelancer também pode surfar nessa onda e ganhar dinheiro extra nesse período.

Pensando nisso, o Freelancer.com, maior plataforma para freelancers e crowdsourcing do mundo, listou três profissões que podem faturar alto nesta Black Friday. Confira se você se encaixa no perfil e aproveite que ainda dá tempo de conseguir trabalho até lá.

Designer

Diversas lojas online aproveitam essa época para produzir páginas exclusivas de ofertas, dando destaque aos principais produtos que desejam comercializar. Além disso, a ferramenta de e-mail marketing é muito utilizada para atrair novos consumidores e despertar a atenção daqueles que já são clientes assíduos. Essas ferramentas de comunicação precisam ser construídas com qualidade, tanto para atrair clientes, como para trazer credibilidade à imagem da loja que coloca os seus produtos em promoção. Por isso, a importância de contratar profissionais qualificados que atuam como Designer. Só eles poderão extrapolar a criatividade e criar peças atraentes e únicas. Nessa hora, ter um portfólio organizado ajudará e muito na captação desses trabalhos.

Desenvolvedor Web

Quando se fala de e-commerce logo vem à cabeça a ideia de que a loja virtual tem algum programador/desenvolver web na sua equipe. Afinal, são eles que estruturam e organizam a hospedagem das páginas desse comércio. Mas nem sempre essa ideia é verdadeira, por isso, em ocasiões como a Black Friday muitos empresários precisam investir na contratação desses desenvolvedores freelancers, seja para atualização e reestruturação do próprio site ou para montar um hotsite exclusivo com as ofertas em destaque. Se você for um Desenvolver Web organizado, poderá aproveitar esse período e garantir um ganho extra, basta se programar e entregar tudo dentro do prazo estabelecido, afinal, essas demandas poderão gerar diversos jobs no futuro, não é mesmo.

Contador

E quem disse que só quem trabalha com design e/ou desenvolvimento de sites pode ganhar um extra na Black Friday? Com o aumento de vendas de produtos, automaticamente, surge o crescimento do volume de notas fiscais, com isso o empresário que quiser ganhar com esse período de promoções deve ficar atento para não perder nenhum documento fiscal importante, seja na emissão para o consumidor ou no recebimento de notas de fornecedores. Aqui, surge a oportunidade para o contador freelancer, que é um profissional chave para que todas as notas estejam devidamente organizadas e que não haja nenhum erro.

E você, está preparado para ganhar um trabalho e uma renda extra na Black Friday?

Sobre a Freelancer®

Vencedor de onze prêmios Webby, é o maior mercado para freelancers e crowdsourcing do mundo pelo número total de usuários e projetos postados. Conta com 30 milhões de usuários registrados e 14 milhões de projetos e concursos, até hoje, em mais de 1000 áreas como desenvolvimento de sites, logotipo, marketing, direitos autorais, astrofísica, engenharia aeroespacial e manufatura. É detentor do Escrow.com, principal fornecedor de pagamentos online seguros e gerenciamento de transações on-line para consumidores e empresas na Internet. A Freelancer Limited está listada na Australian Securities Exchange sob o ticker ASX: FLN.

RELACIONAMENTO COM A MÍDIA

SEVEN PUBLIC RELATIONS

www.sevenpr.com.br

Marcelo Volpato (marcelo@sevenpr.com.br)

Deborah Reis(deborah@sevenpr.com.br)

Caio Moura (caio@sevenpr.com.br)

Telefone.: (11) 2344-9141

 

You may also like

BNDES fecha o ano com desembolsos de R$ 71 bilhões

Por Cristina Indio do Brasil – Repórter da Agência